Procura externa vale 85% do crescimento económico português

Muita gente tem advogado que o crescimento económico verificado nos últimos tempos em Portugal é uma consequência do aumento da procura interna (consumo), mas os dados mostram o contrário.

Se excluirmos o efeito negativo que o consumo interno tem nas importações, verificamos que as exportações são o motor do crescimento económico verificado. Muitos jornalistas e economistas teimam em utilizar os valores brutos da procura interna, comparando-os com os da procura externa líquida, para concluírem que é a procura interna que está a levar a economia ao crescimento. Mas tal não é verdade. Grande parte do crescimento procura interna origina um aumento das importações (também há exportações baseadas em importações), pelo que o contributo da procura interna no PIB terá de ter em conta o crescimento das importações provocado pelo aumento do consumo.

About J.Pinto

Apaixonado pelas matérias da gestão, da fiscalidade e da contabilidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s