Tenho dito muitas vezes que Portugal é um país de socialistas. As pessoas, no geral, apreciam e defendem a intervenção do Estado, mesmo que ele seja mafioso e que esteja completamente minado por interesses.

Em termos de partidos políticos portugueses com assento parlamentar, todos eles defendem a intervenção do Estado na economia e na sociedade. Se houvesse dúvidas quanto a isto, hoje li um artigo do Mário Soares que vai ao encontro desta teoria: “É certo que os dois partidos que fundaram a União Europeia – os socialistas ou sociais-democratas e os democratas cristãos – foram substituídos pelos partidos de extrema-direita, às vezes com o nome falso de sociais-democratas, quando são, simplesmente, populistas. Como é o caso português.”

Ou seja, em termos europeus, Mário Soares considera que os socialistas e sociais-democratas são o mesmo partido. Eu concordo e acrescentaria apenas os democratas cristãos.

About J.Pinto

Apaixonado pelas matérias da gestão, da fiscalidade e da contabilidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s