Imagine que tem 10 000€ para emprestar e há duas pessoas interessadas em pagar-lhe uma taxa de juro para que possam utilizar esse dinheiro que é seu. Uma das pessoas oferece-lhe 6%, enquanto a outra está disposta a pagar-lhe apenas 1% pelo empréstimo. A quem é que emprestaria o seu dinheiro? Se tivesse a certeza de que o valor emprestado e os respetivos juros regressariam à sua mão no prazo combinado, não tenho dúvidas de que optaria por emprestar à pessoa que lhe oferece os 6%. Mas então porque é que os mercados (os mercados são constituídos por bancos e fundos que representam as pessoas que lhes confiaram o seu dinheiro) preferem emprestar dinheiro à Alemanha a 1% em vez de emprestarem a Portugal e receber 5% ou 6% de juros? Simples, não é?

About J.Pinto

Apaixonado pelas matérias da gestão, da fiscalidade e da contabilidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s