Este artigo do Jornal de Negócios diz-nos que uma parte muito significativa dos juros que Portugal pagou em 2012 foram para a troica. Naturalmente, uma vez que uma parte muito significativa da nossa dívida está nas mãos da troica. No entanto, e esse facto é que é importante, o mesmo jornal deveria dizer quanto é que Portugal teria de pagar aos nossos credores se, em vez do troica, tivesse conseguido financiar-se nos mercados internacionais. Muito mais, de certeza.

Já o disse várias vezes, mas vou voltar a repetir: a taxa de juro cobrada pela troica nos empréstimos que fez a Portugal é das mais baixas que o nosso país conseguiu em democracia.

About J.Pinto

Apaixonado pelas matérias da gestão, da fiscalidade e da contabilidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s