Grande parte dos comentadores que falam nas televisões e rádios portuguesas não percebe nada de economia. Apesar disso, falam sobre economia como se fossem especialistas na matéria. Na semana passada, num dos programas radiofónicos sobre política, numa conversa sobre o atual momento político, alguém dizia que é o atual ministro das finanças que decide sobre as decisões económicas (nem sequer é ministro da economia). Eles não sabem ou não querem saber que, no mundo globalizado que vivemos, não são os ministros que, por decreto, influenciam decisivamente a economia de um país. Apesar de os governos poderem criar condições para mais ou menos investimento, são as pessoas e as empresas que mandam na economia, é através dos seus atos que haverá mais ou menos investimento.

O governo português, mesmo que tivesse essa pretensão, não pode fazer nada. Nem dinheiro tem para pagar as suas contas correntes, muito menos para investir. Os comentadores, tal como os políticos que governaram Portugal nas últimas décadas, continuam a pensar que é através do investimento público que os países se desenvolvem economicamente. As últimas décadas provam exatamente o contrário.

About J.Pinto

Apaixonado pelas matérias da gestão, da fiscalidade e da contabilidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s