No dia em que José Sócrates, antigo primeiro-ministro de Portugal, voltou a falar aos portugueses, Cavaco Silva disse isto: “intrigas e jogadas político-partidárias não criam um único emprego”. O Presidente da República tem toda a razão.

Na minha opinião, o Presidente da República, apesar de não poder ser acusado pela atual situação que Portugal enfrenta, por causa da limitação da sua atuação, não tem sido o Presidente da República de que os portugueses precisam. Hoje, para contrariar esta teoria, o Presidente da República disse ainda mais uma verdade: “Se a nossa televisão dedicasse mais espaço a revelar os sucessos empresariais por esse país fora, estou convencido que Portugal estaria melhor, estaria diferente. E porquê? Se esses sucessos fossem mostrados na televisão seria mais fácil empreender, replicar”.

Já diz o ditado que não há duas sem três. E não é que Cavaco Silva voltou a pronunciar uma frase que ficará para a história como uma das mais importantes da sua função como Presidente da República: “se conseguirmos revelar os casos de sucesso em Portugal o clima de sucesso pode alterar-se para melhor”. 

About J.Pinto

Apaixonado pelas matérias da gestão, da fiscalidade e da contabilidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s